Santa Teresinha: na África?

“Eu pensava que havia nascido para a glória, e procurava um meio de chegar a ela quando o Bom Deus me inspirou os sentimentos que escrevo [na minha biografia].

Ele me fez compreender também que a minha glória, para mim, não apareceria aos olhos dos mortais, que ela consistiria em tornar-me uma grande santa! Esse desejo poderia parecer temerário, considerando quanto eu era [então] fraca e imperfeita, e quanto ainda o sou, após sete anos de vida religiosa.

Apesar disso sinto sempre a mesma confiança audaciosa de tornar-me uma grande santa, pois não conto com meus méritos, já que não os tenho; espero, porém, n’Aquele que é a Virtude, e a própria Santidade”

(Santa Teresinha do Menino Jesus e da Sagrada Face, História de uma alma)

Que belas palavras de Santa Teresinha! Que desejos sublimes e ousados! Vemos que Deus não deixou de atendê-los, e mais ainda do que ela esperava, porque não apenas atingiu ela a grande santidade que almejava, mas Deus lha deu em abundância a glória para a qual se sentia chamada.

Nós, missionários em África, nos surpeendemos quanto uma humilde e desconhecida freira de um convento do interior da França possa ser tão venerada em um lugar tão distante, e tão diferente do que ela viveu. Aqui, quantas paróquias e comunidades vemos dedicadas a ela, quantas pessoas lhe rogam graças e favores.

Até mesmo as crianças querem conhecer sua vida e suas virtudes. Mostra disso é que recentemente, os Arautos do Evangelho receberam um pedido de preparar um audiovisual a respeito de sua vida para mostrar a crianças de várias paróquias de Maputo, como a Paróquia da Sagrada Família, na Machava, e a Paróquia de Nossa Senhora do Rosário, no Laulane, onde a catequese está aos cuidados das irmãs Pilarinas, valorosa Congregação que tem obtido muitíssimos frutos para a evangelização em terras africanas.

Vemos nas fotos as inúmeras crianças que, silenciosas e admirativas, prestam atenção no audiovisual. Após este, todas fizeram em conjunto uma oração à Santa carmelita, com um solene propósito de procurar imitá-la em todas as circunstâncias da vida, da escola, na família na Igreja. 

Sim Santa Teresinha. sua glória e sua santidade chegaram até a África!

This entry was posted in África, alma, Arautos do Evangelho, carmelita, catequese, céu, Deus, Evangelização, França, igreja na áfrica, irmã, Maputo, missionários, Moçambique, religiosa, Rosário, santa teresinha, santidade, vida religiosa and tagged , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Bookmark the permalink.

2 Responses to Santa Teresinha: na África?

  1. Suelen Souza says:

    Muito Lindo o trabalho de vocês de evangelização na áfrica, continuem e contem com as minhas orações.

    • alexschurig says:

      Prezada Sra. Suelen, realmente é muito gratificante poder levar Jesus e Maria nestas terras tão promissoras, agradecemos muito vossas orações.

Deixe uma resposta